REGIÃO

Programa Novotec abre mais de 30 mil vagas em SP com bolsa-auxílio

O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, abre nesta terça-feira (19) inscrições para mais de 30 mil vagas em cursos de qualificação profissional do programa Novotec Expresso em todas as regiões do estado. Os estudantes matriculados no ensino médio da rede estadual terão direito a um auxílio de até R$ 600, divididos em quatro parcelas mensais, ao longo do curso.

As 37 opções de cursos têm duração de 120 horas e poderão ser realizadas ao longo de quatro meses nos formatos presencial e online. As aulas online são feitas ao vivo, por meio de plataformas digitais, e os encontros presenciais, na unidade de ensino escolhida durante a inscrição.

Os cursos foram desenvolvidos para atender às demandas atuais do mundo do trabalho e aos interesses dos jovens que querem se destacar na hora de buscar seu primeiro emprego.

“Ofertar cursos gratuitos que contribuam na qualificação dos jovens de São Paulo é um dever que o estado tem cumprido, ampliando as competências dos estudantes e atendendo às necessidades do mercado de trabalho”, comentou Zeina Latif, secretária de Desenvolvimento Econômico.

Para se inscrever, os interessados devem acessar o site www.novotec.sp.gov.br, fazer um cadastro e selecionar o município para verificar quais cursos estão disponíveis. As inscrições começam no dia 19 de julho e vão até o dia 15 de agosto.

A comunicação com os inscritos é feita unicamente por e-mail, utilizando-se os dados pessoais de cada candidato informados no ato do cadastro no site do Novotec. As aulas têm previsão de início entre os dias 1º e 17 de setembro.

O Novotec Expresso não possui processo seletivo. Jovens entre 14 e 24 anos com ensino fundamental completo estão aptos a participar. O programa prioriza estudantes matriculados no ensino médio e em Etecs da rede estadual.

Para receber a bolsa, os jovens elegíveis deverão ter 75% de frequência no curso e não podem ser beneficiários de seguro-desemprego. No caso dos estudantes de 14 e 15 anos, a renda familiar deverá ser de até três salários mínimos, e o pagamento da bolsa será feito para o responsável legal indicado nos dados escolares.

O pagamento de até quatro parcelas de R$ 150 será iniciado no mês subsequente do início das aulas, por meio do programa Bolsa do Povo, com cartão magnético do Bolsa do Povo.

Cursos nas áreas Gestão e Negócios, Produção Cultural e Design, Tecnologia da Informação e Comunicação, e Meio Ambiente:

Tecnologia e Eletricidade Automotiva

Agente Cultural

Ajudante de Logística

Assistente Financeiro

Auxiliar de Vendas

Comunicação e Projeto de Vida para o Mercado de Trabalho

Excel Aplicado à Área Administrativa

Gestão de Pequenos Negócios

Gestão de Projetos Sociais

Marketing Digital e Vendas em Redes Sociais

Office 2019

Rotinas de Recursos Humanos

Técnicas de Atendimento

Edição de Vídeo para Youtube

Introdução à Animação Digital

Photoshop e CorelDRAW – Tratamento de Imagem e Ilustração Digital

Introdução à Jardinagem

Paisagismo – Técnica e Projeto

Atendente de Farmácia

Administração de Redes Linux

Administração de Redes Windows

Aprenda a Programar em C#

Auxiliar de Projetos Gráficos

Computação em Nuvem

Criação de Aplicativos

Criação de Sites com Marketing Digital

Criação de Sites e Plataformas Digitais

Desenho no AutoCAD

Desenvolvimento de E-commerce

Desenvolvimento de Software para web e celular

Design de Plataforma Digitais e Experiência do Usuário

Introdução a Banco de Dados

Introdução à Robótica Utilizando Arduíno

Introdução ao Desenvolvimento em Java

Jogos Digitais

Programação Básica para Android

Segurança Cibernética Fundamental

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar